ABPM NA INTERNET:

Conecte-se à ABPM:

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Deputados colhem assinaturas para CPI do MST

Durante a Reunião-almoço da Frente Parlamentar da Agropecuária nesta terça-feira (25/08) em Brasília, o Deputado Federal Nilson Leitão afirmou que faltavam 30 assinaturas para protocolar o pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar a utilização indevida de recursos do Governo Federal pelo MST – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra. 

Conforme o Parlamentar mato-grossense, o objetivo é investigar repasses de recursos públicos e ações de entidades e organizações vinculadas ao MST, bem como desvios entre 2013 e 2015 em convênios firmados com o INCRA – Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária e entidades ligadas à Reforma Agrária. A expectativa de Nilson Leitão é saber como o MST se mantém financeiramente diante das invasões de propriedades rurais e até mesmo de prédios públicos e privados.

“Esta CPI é justamente pra podermos perguntar de forma clara, como que o MST sobrevive, como vai de um Estado para outro invadir uma terra, um laboratório, ou um prédio público. Como que você fica acampado na beira da estrada por tanto tempo que precisa comer, e não está produzindo nada? Que você precisa se alimentar, ter suas roupas, seus filhos na escola e todo o mais? Quem está patrocinando tudo isso? Nós só queremos saber a fonte deste dinheiro. Tomara que eles consigam explicar e que não seja de forma criminosa como nós imaginamos que seja” – declarou o Deputado.

Se a CPI para investigar o MST for criada, deverá ser composta por 25 membros e terá duração de até 120 dias. 

De Brasília: Ronaldo Berwanger – Rádio FPA

Ouça esta notícia em:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, estamos aguardando a sua participação. Obrigada!