ABPM NA INTERNET:

Conecte-se à ABPM:

quarta-feira, 5 de março de 2014

A Rural lamenta declarações do ministro Gilberto Carvalho sobre financiamento do governo a evento do MST

A Sociedade Rural Brasileira (SRB) – www.srb.orb.br - manifesta descontentamento com as declarações do ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, que defendeu o financiamento do governo a evento do MST. “Nos causou grande estranheza, e lamentamos profundamente este tipo de posicionamento”, assinala o presidente da Rural, Gustavo Diniz Junqueira.

Para Junqueira, o dinheiro público deveria e deve ser direcionado a políticas governamentais indutoras de desenvolvimento socioeconômico para o País, e não a ações de caráter ideológico, camufladas de sociais, e com interesses políticos por trás, seja de quem for.

Segundo o presidente da Rural, é, no mínimo, paradoxal que recursos advindos do contribuinte, que financiam empresas como Caixa Econômica Federal, Petrobras e BNDES, sejam direcionados ao MST, que publicamente expressa aversão ao capital produtivo, mas nos bastidores aceita doações sem questionamentos. 

De acordo com Junqueira, o ministro desrespeita o setor produtivo ao comparar o financiamento de atividades geradoras de emprego e renda com manifestações políticas. “São coisas de natureza completamente distintas.“

Na avaliação do presidente da Rural, ao contrário do que o ministro disse, quem contribui para o abastecimento com quantidade e qualidade para a mesa do brasileiro são os produtores rurais. “A imensa maioria dos assentamentos não se viabilizou economicamente, não cumprindo por consequência sua função de inclusão social. Investir na qualificação – e não em desapropriações sem critério – é uma política pública mais benéfica para a nação.”

Junqueira ressalta, ainda, que o ministro novamente se equivoca ao separar agricultura familiar e agronegócio. “O produtor familiar seja ele pequeno, médio ou grande é um ator – e dos mais relevantes - do agronegócio, que tem seu conceito distorcido no dia a dia. Agronegócio é sinônimo de cadeia produtiva, e engloba todas as faixas e camadas de produtores.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, estamos aguardando a sua participação. Obrigada!